Desconto de Ano Novo
10% de Desconto na 1ª Mensalidade
00
Dias
00
Horas
00
Minutos
00
Segundos
Você Ficará com o Mesmo Professor Durante Todo seu Curso.

Veja qual é a porcentagem de brasileiros fluentes em inglês

POR
DANIEL CASDEN

Você sabe qual a verdadeira porcentagem de brasileiros fluentes em inglês? Nos últimos anos, a fluência em inglês tornou-se uma habilidade essencial para muitos brasileiros, impulsionada pela globalização, oportunidades de trabalho internacionais e a necessidade de se comunicar em um mundo cada vez mais conectado. No entanto, a questão da verdadeira porcentagem de brasileiros fluentes em inglês é frequentemente debatida e pode variar significativamente dependendo de como é medida.

Apesar do aumento do acesso à educação e recursos para aprender inglês, a fluência plena na língua inglesa ainda é uma conquista para uma parcela relativamente pequena da população brasileira. Diversos fatores contribuem para essa disparidade - incluindo desigualdades socioeconômicas, qualidade variável do ensino de idiomas e falta de prática regular.

Além disso, como sempre dizemos aqui na Nativ Inglês, a definição de "fluência" pode ser subjetiva, variando desde a capacidade de realizar conversas cotidianas até a proficiência avançada necessária para negócios internacionais ou estudos acadêmicos. Neste artigo, vamos compreender as métricas por trás da porcentagem de brasileiros fluentes em inglês atualmente.

Você também pode gostar: Qual é a diferença entre inglês avançado e inglês fluente?

Pule Para

Qual a porcentagem de brasileiros fluentes em inglês?

De acordo com dados recentes, o Brasil ocupa a posição 60 em um ranking de proficiência em inglês, em uma lista que abrange 112 países. Essa colocação coloca o país atrás de nações como Argentina e Chile e consideravelmente distante de Portugal, que ocupa uma posição de destaque no ranking, mesmo sendo um país onde se fala o português.

porcentagem de brasileiros fluentes em inglês
Qual é a porcentagem de brasileiros fluentes em inglês?

Segundo um estudo recente do British Council, apenas 1% da população brasileira é fluentemente proficientes em inglês. Outros 5% da população têm conhecimentos no idioma, embora não atinjam um nível tão avançado. Esses números são motivo de preocupação, uma vez que é bem estabelecido que profissionais fluentes nesse idioma tendem a ocupar os cargos mais elevados nas empresas, dada a importância do inglês como idioma oficial no mundo dos negócios.

A importância do inglês no mercado de trabalho é inegável. Profissionais fluentes na língua têm uma vantagem significativa em termos de oportunidades de emprego e remuneração. Por exemplo, estagiários ou trainees com proficiência em inglês ganham mais do que o dobro dos colegas que possuem apenas conhecimentos básicos do idioma.

A diferença salarial também se reflete em profissionais com diploma de curso superior - que recebem até 65% a mais se forem fluentes em inglês - e diretores, que podem obter um aumento salarial de até 90% com essa habilidade.

Embora o inglês tenha voltado para a grade curricular em 1996, após três décadas em que o ensino de um segundo idioma não era obrigatório, ainda há desafios significativos no sistema educacional brasileiro. Especialistas apontam a falta de um método eficiente de ensino acessível a todos como uma das razões pelas quais a população brasileira enfrenta dificuldades em alcançar níveis mais altos de proficiência no idioma.

No entanto, há um crescente reconhecimento da importância do inglês no contexto global. Em 2021, aproximadamente 40% dos brasileiros estabeleceram aprender inglês como uma meta pessoal. Além disso, uma pesquisa revelou que seis em cada dez brasileiros planejavam viajar para o exterior, e 20% dessas viagens tinham o propósito específico de aprender idiomas.

No ambiente corporativo, a fluência em inglês pode ter um impacto significativo no salário. Segundo uma pesquisa realizada pelo site de recolocação profissional Catho, profissionais fluentes em inglês podem receber até 61% a mais do que aqueles que não possuem essa qualificação.

Foto de uma pessoa apontando o dedo.
Quer fazer parte da porcentagem de brasileiros fluentes em inglês? Sua hora chegou!

Mas o que é ser fluente em inglês, afinal?

Ser fluente em inglês geralmente significa ter a capacidade de compreender, falar, ler e escrever no idioma de forma natural e eficaz em uma variedade de situações. No entanto, a definição exata de fluência pode variar dependendo do contexto e dos critérios específicos utilizados para avaliar a proficiência linguística.

Aqui estão alguns aspectos geralmente considerados por nossos professores ao avaliar a fluência em inglês:

Compreensão auditiva:

Capacidade de entender fluentemente falantes nativos de inglês em uma variedade de situações, incluindo conversas cotidianas, apresentações formais, filmes, músicas e outros meios de comunicação.

Expressão oral:

Habilidade de comunicar ideias, pensamentos e informações de forma clara e coerente, sem hesitação excessiva, gagueira ou erros significativos de gramática e pronúncia.

Leitura:

Capacidade de compreender textos escritos em inglês, desde materiais simples, como artigos de jornal, até textos mais complexos, como literatura acadêmica ou jurídica, sem dificuldades significativas de compreensão.

Escrita:

Competência para produzir textos escritos em inglês que sejam claros, organizados e gramaticalmente corretos, adaptados ao propósito e ao público-alvo, seja para redações acadêmicas, profissionais ou criativas.

Fluência cultural:

Além das habilidades linguísticas, ser fluente em inglês também pode envolver compreender e adaptar-se às nuances culturais associadas à língua, incluindo expressões idiomáticas, costumes sociais e normas de comunicação.

É importante notar que a fluência é um espectro e pode variar de pessoa para pessoa, podendo ser afetada por fatores como prática regular, exposição ao idioma, ambiente de aprendizado e motivação. Portanto, o que é considerado fluência para uma pessoa pode não ser o mesmo para outra.

Níveis de eficiência em inglês

Entender os diferentes níveis de domínio de um idioma é crucial para avaliar a proficiência de um indivíduo em determinada língua. No caso do inglês, por exemplo, há uma série de classificações que descrevem as habilidades linguísticas (leia nosso guia completo aqui), desde o básico até o avançado. Veja algumas abaixo:

Porcentagem de brasileiros fluentes em inglês
  • Iniciante: Neste estágio, o indivíduo possui conhecimentos elementares do idioma, como saudações, apresentações e expressões básicas. O foco está nas estruturas gramaticais fundamentais e no vocabulário utilizado no dia a dia.
  • Intermediário: No nível intermediário, o aprendiz consegue se comunicar de maneira mais eficaz, participando de conversas sobre uma variedade de temas. O vocabulário se amplia e a compreensão de textos e diálogos mais complexos é aprimorada.
  • Avançado: Neste estágio, o indivíduo possui um domínio extenso do idioma, conseguindo se expressar com fluidez e naturalidade em diversas situações. A compreensão auditiva e escrita é mais avançada, permitindo a leitura de textos acadêmicos e participação em debates complexos.
  • Fluente: Como visto anteriormente, o nível de fluência é caracterizado pela capacidade de comunicação no idioma de forma praticamente nativa. A pessoa é capaz de compreender e produzir textos complexos, utilizar um vocabulário diversificado e adaptar-se a diferentes contextos linguísticos com facilidade.

É crucial ressaltar que o domínio de um idioma é um processo contínuo e individual, o que significa que cada pessoa progride em seu próprio ritmo. Avançar nos níveis de proficiência requer estudo constante, prática oral e imersão na língua, além de uma abordagem dedicada e consistente ao aprendizado.

Leia também: Como NÃO aprender inglês - 7 atitudes de sabotagem

Obrigado por ler esta postagem

Agora você sabe a porcentagem de brasileiros fluentes em inglês. Se você gostou do conteúdo, continue acompanhando nosso blog para conferir outros temas como este. Aproveite ainda para compartilhar este post com seus amigos e entes queridos nas redes sociais - como Facebook, LinkedIn e Instagram - para que eles também possam ver o aprendizado do inglês de uma forma diferente!

Procurando um curso de inglês?

Na Nativ Inglês, oferecemos uma grande variedade de cursos online com professores nativos. Você terá aulas cara a cara via chamada de vídeo num curso personalizado, exclusivo às suas necessidades e adequado ao seu nível de conhecimento.

Oferecemos cursos para iniciantes e cursos de inglês fluente para intermediários e avançados, além de cursos de inglês para empresas, inglês jurídico e inglês preparatório para os exames de proficiência em inglês.

Fale conosco e projetaremos um curso particular para atender às suas necessidades!

Compartilhe esse conteúdo
Categories
Postagens Relacionadas

Descubra como Podemos Ajudar

Single Blog Form

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Author Details

Daniel Casden

Daniel Casden é o coordenador da Nativ Inglês e fundador da abordagem “Nativ Inglês” para ensino da língua inglesa. Americano, mudou-se para o Brasil para morar com sua esposa brasileira; porém, após lecionar em cursos de inglês com currículos rígidos e obsoletos, optou por fundar sua própria escola. Atualmente, soma dez anos de experiência em ensinar inglês de forma intuitiva, prática e centrada no aluno.

Tendo vivido em diversos países e diferentes experiências profissionais,...

Saiba Mais
Saiba Mais Sobre Nossos Cursos
Envie-Nos Uma Mensagem E Fique Em Contato
Contate-nosContate-nos
seta de rotação azul

Fale Conosco pelo Whatsapp

Preencha e Seja Redirecionado para o Nosso WhatsApp Agora Mesmo!
Whats App Form
magnifiercross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram